sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Educação!


O que têm achado dessa troca de prioridade?

Medicina em Marabá!

No Processo Seletivo da UEPA, o curso de Medicina, em Marabá, foi o mais concorrido, com 53 candidatos na disputa por dez vagas. Já no Prise, a maior concorrência foi no curso de Enfermagem, em Belém, com 16,5 candidatos por vaga

Resultado da UEPA

Confira aqui o resultado do vestibular da Universidade do Estado do Pará (Uepa) divulgado na manhã desta sexta-feira (31) o listão de aprovados nos Processos Seletivos 2014 – Prise e Prosel, portas de entrada da instituição.

AQUI 


Processo Seletivo 2014
Selecione um curso abaixo:
PRISE Subprograma XV
Clique Aqui para ir aos cursos


Ordem Alfabética por Município / Curso / Semestre / Turno

ALTAMIRA / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

BARCARENA / LICENCIATURA EM GEOGRAFIA / 2º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / BACHARELADO EM DESIGN / VESPERTINO

BELÉM / BACHARELADO EM SECRETARIADO EXECUTIVO TRILÍNGÜE / VESPERTINO

BELÉM / BIOMEDICINA / 2º SEMESTRE

BELÉM / ENFERMAGEM / 1º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / ENFERMAGEM / 1º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / ENFERMAGEM / 2º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / ENFERMAGEM / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / ENGENHARIA AMBIENTAL / VESPERTINO

BELÉM / ENGENHARIA DE PRODUÇÃO / MATUTINO

BELÉM / ENGENHARIA FLORESTAL / MATUTINO

BELÉM / FISIOTERAPIA

BELÉM / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS DA RELIGIÃO / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - FÍSICA / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - QUÍMICA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 1º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 1º SEMESTRE / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 1º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 2º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 2º SEMESTRE / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM FILOSOFIA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM GEOGRAFIA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM HISTÓRIA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM LETRAS - LIBRAS / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA INGLESA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM MÚSICA / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM MÚSICA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 1º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 1º SEMESTRE / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 1º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 2º SEMESTRE / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / MEDICINA

BELÉM / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / MATUTINO

BELÉM / TERAPIA OCUPACIONAL

CAMETÁ / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / MATUTINO

CASTANHAL / ENGENHARIA DE PRODUÇÃO / MATUTINO

CASTANHAL / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / VESPERTINO

CASTANHAL / TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / ENFERMAGEM

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - BIOLOGIA / NOTURNO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM FILOSOFIA / NOTURNO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM GEOGRAFIA / MATUTINO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / VESPERTINO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / VESPERTINO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / VESPERTINO

IGARAPÉ-AÇU / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / VESPERTINO

MARABÁ / BIOMEDICINA / 2º SEMESTRE

MARABÁ / ENGENHARIA AMBIENTAL / MATUTINO

MARABÁ / ENGENHARIA DE PRODUÇÃO / VESPERTINO

MARABÁ / ENGENHARIA FLORESTAL / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

MARABÁ / MEDICINA / 2º SEMESTRE

MARABÁ / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / VESPERTINO

MOJU / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - FÍSICA / NOTURNO

MOJU / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / MATUTINO

MOJU / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / VESPERTINO

MOJU / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

PARAGOMINAS / BACHARELADO EM DESIGN / NOTURNO

PARAGOMINAS / ENGENHARIA AMBIENTAL / MATUTINO

PARAGOMINAS / ENGENHARIA FLORESTAL / 2º SEMESTRE / MATUTINO

PARAGOMINAS / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - BIOLOGIA / VESPERTINO

REDENÇÃO / ENGENHARIA DE PRODUÇÃO / VESPERTINO

REDENÇÃO / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / 2º SEMESTRE / NOTURNO

REDENÇÃO / TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

SALVATERRA / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - BIOLOGIA / NOTURNO

SALVATERRA / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

SANTARÉM / ENFERMAGEM / 1º SEMESTRE

SANTARÉM / ENFERMAGEM / 2º SEMESTRE

SANTARÉM / FISIOTERAPIA

SANTARÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

SANTARÉM / LICENCIATURA EM MÚSICA / VESPERTINO

SANTARÉM / MEDICINA / 1º SEMESTRE

SANTARÉM / MEDICINA / 2º SEMESTRE

SÃO MIGUEL DO GUAMÁ / LICENCIATURA EM FILOSOFIA / VESPERTINO

SÃO MIGUEL DO GUAMÁ / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / MATUTINO

SÃO MIGUEL DO GUAMÁ / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / NOTURNO

SÃO MIGUEL DO GUAMÁ / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / VESPERTINO

TUCURUÍ / ENFERMAGEM

TUCURUÍ / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

VIGIA / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / MATUTINO

 

PRISE Subprograma XV
Selecione um curso abaixo:


Ordem Alfabética por Município / Curso / Semestre / Turno



ALTAMIRA / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

BARCARENA / LICENCIATURA EM GEOGRAFIA / 2º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / BACHARELADO EM DESIGN / VESPERTINO

BELÉM / BACHARELADO EM SECRETARIADO EXECUTIVO TRILÍNGÜE / VESPERTINO

BELÉM / BIOMEDICINA / 2º SEMESTRE

BELÉM / ENFERMAGEM / 1º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / ENFERMAGEM / 1º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / ENFERMAGEM / 2º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / ENFERMAGEM / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / ENGENHARIA AMBIENTAL / VESPERTINO

BELÉM / ENGENHARIA DE PRODUÇÃO / MATUTINO

BELÉM / ENGENHARIA FLORESTAL / MATUTINO

BELÉM / FISIOTERAPIA

BELÉM / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS DA RELIGIÃO / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - FÍSICA / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - QUÍMICA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 1º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 1º SEMESTRE / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 1º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 2º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 2º SEMESTRE / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM FILOSOFIA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM GEOGRAFIA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM HISTÓRIA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM LETRAS - LIBRAS / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA INGLESA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM MÚSICA / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM MÚSICA / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 1º SEMESTRE / MATUTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 1º SEMESTRE / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 1º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 2º SEMESTRE / NOTURNO

BELÉM / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

BELÉM / MEDICINA

BELÉM / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / MATUTINO

BELÉM / TERAPIA OCUPACIONAL

CAMETÁ / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / MATUTINO

CASTANHAL / ENGENHARIA DE PRODUÇÃO / MATUTINO

CASTANHAL / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / VESPERTINO

CASTANHAL / TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / ENFERMAGEM

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - BIOLOGIA / NOTURNO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM FILOSOFIA / NOTURNO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM GEOGRAFIA / MATUTINO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / VESPERTINO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / VESPERTINO

CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / VESPERTINO

IGARAPÉ-AÇU / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / VESPERTINO

MARABÁ / BIOMEDICINA / 2º SEMESTRE

MARABÁ / ENGENHARIA AMBIENTAL / MATUTINO

MARABÁ / ENGENHARIA DE PRODUÇÃO / VESPERTINO

MARABÁ / ENGENHARIA FLORESTAL / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

MARABÁ / MEDICINA / 2º SEMESTRE

MARABÁ / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / VESPERTINO

MOJU / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - FÍSICA / NOTURNO

MOJU / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / MATUTINO

MOJU / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / VESPERTINO

MOJU / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

PARAGOMINAS / BACHARELADO EM DESIGN / NOTURNO

PARAGOMINAS / ENGENHARIA AMBIENTAL / MATUTINO

PARAGOMINAS / ENGENHARIA FLORESTAL / 2º SEMESTRE / MATUTINO

PARAGOMINAS / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - BIOLOGIA / VESPERTINO

REDENÇÃO / ENGENHARIA DE PRODUÇÃO / VESPERTINO

REDENÇÃO / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / 2º SEMESTRE / NOTURNO

REDENÇÃO / TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

SALVATERRA / LICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAIS - BIOLOGIA / NOTURNO

SALVATERRA / TECNOLOGIA DE ALIMENTOS / 2º SEMESTRE / VESPERTINO

SANTARÉM / ENFERMAGEM / 1º SEMESTRE

SANTARÉM / ENFERMAGEM / 2º SEMESTRE

SANTARÉM / FISIOTERAPIA

SANTARÉM / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

SANTARÉM / LICENCIATURA EM MÚSICA / VESPERTINO

SANTARÉM / MEDICINA / 1º SEMESTRE

SANTARÉM / MEDICINA / 2º SEMESTRE

SÃO MIGUEL DO GUAMÁ / LICENCIATURA EM FILOSOFIA / VESPERTINO

SÃO MIGUEL DO GUAMÁ / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / MATUTINO

SÃO MIGUEL DO GUAMÁ / LICENCIATURA EM MATEMÁTICA / NOTURNO

SÃO MIGUEL DO GUAMÁ / LICENCIATURA EM PEDAGOGIA / VESPERTINO

TUCURUÍ / ENFERMAGEM

TUCURUÍ / LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

VIGIA / LICENCIATURA EM LETRAS - LÍNGUA PORTUGUESA / MATUTINO


Diario Semanal continua sendo o espaço de debate nas ondas da AM

Ouça neste sábado (1) O Programa Diário Semanal Com Adriana Araújo na Rádio Itacaiúnas AM 850 KHz das 09:00 as 12:00 ou Pelo Site (www.itacaiunasam.com).Bloco Saúde: Tema Gravidez na adolescência.

Airton Reis assume UEPA

Posse do novo coordenador do Campus VIII Marabá, da Universidade do Estado do Pará, em nesta quita feira (30) foi bastante concorrida, o professor Airton Reis coordenará em Marabá nos próximos quatro anos o destino da Universidade do Estado do Pará. Muitas novidades estão por vir.

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Professores ocupam SEMED!


Nosso movimento de greve segue com força total. Hoje pela manhã ocupamos a Semed e demos o nosso recado: FORA BRESSAN, o incompetente secretário que está levando a educação para um terrível buraco. Logo em seguida estivemos na EMEF Tereza de Jesus, localizada no bairro Vale do Itacaiúnas, dialogamos com os companheiros daquela unidade de ensino que por motivos pessoais se recusavam a aderirem ao movimento, estendemos faixas e ocupamos a escola por todo o período intermediário. Nossa política será essa: tolerância zero com quem se acovarda diante da luta

Fonte: Gazentando

Curso Comunicação, Escrita e Publicação Acadêmica


 
O que é comunicação acadêmica?. Os diversos formatos, o contexto atual da produção acadêmica e a exigência global de publish or perish. Os espaços e veículos de comunicação acadêmica. Os diversos estilos e a influência das ciências duras na escrita em Ciências Sociais. Essas e outras indagações estão no programa do Curso Comunicação, Escrita e Publicação Acadêmica, provido pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp) e o Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia da UFPA. As inscrições estão abertas e podem ser feitas até o dia 2 de fevereiro, no site da Propesp.

O curso será realizado nos dias 3 e 4 de fevereiro, no horário das 14h às 18h, no auditório do Instituto de Ciências Biológicas (ICB), no Campus Básico da UFPA. A carga horária é de oito horas, divididas em duas aulas de quatro horas cada uma. As aulas serão ministradas pela professora Eloísa Martin, de forma expositiva, com espaço para perguntas e esclarecimento de dúvidas.

Para maiores informações acesse o site da PROPESP.

Bancada Ruralista

No final do ano passado, a Bancada Ruralista condicionou a aprovação da PEC do Trabalho Escravo Repórter Brasil preparou um especial detalhando tais ações, com peças para compartilhamento nas redes sociais. Informe-se, denuncie, compartilhe e junte-se à mobilização nacional para denunciar tais manobras. 

Chacina de Unaí: Dez anos depois!

A Chacina de Unaí completou dez anos na terça-feira, dia 28, e cinco dos acusados de participar do crime ainda não foram julgados. Neste boletim, destacamos reportagem sobre esta década de impunidade. É para lembrar dos três auditores fiscais e um motorista assassinados que se celebra em todo o Brasil a Semana Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. Também apresentamos reportagem completa sobre a libertação na produção de carvão no interior de São Paulo.

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Balanço da Greve!

90% DAS ESCOLAS ADERIRAM À GREVE
A greve deflagrada na última quarta-feira (22.01.2014) é aceita por mais de 90% das escolas de Marabá. Os profissionais da educação entenderam as motivações que nos levaram a greve. Vejam as escolas que aderiram à greve:

Núcleo: Nova Marabá
Rio Tocantins – CAIC...
Salomé
Jonathas Pontes Atias
João Anastácio
Tio Ming
Albertina
Pequeno Príncipe
Salomé Carvalho
Silvino Santis
Tancredo Neves
Cisne Branco
Pedro Cavalcante
José Cursino


Núcleo: Cidade Nova
Irmã Teodora
Josineide Tavares
José de Souza
Darcy ribeiro
Deuzuita Melo
Heloiza Castro
Paulo Freire
Arthur Guerra
Professor Raimundinho
Ida Valmont
Geraldo Veloso
Núcleo: Velha Marabá
Mendonça Vergulino
Magalhães Barata
Núcleo: Morada Nova e São Félix
Pedro Peres
Paulo Umbelino
Arco Íris
Gabriel Sales Pimenta
Fé Em Deus
Walquise Viana
São Félix
Manoel Cordeiro
Julieta Gomes Leitão

Obs: Os NEI’s (Núcleo de Educação Infantil) iniciarão às aulas somente no dia 03 de fevereiro. (Se houver merenda escolar)
Fonte: Sintepp

27 ANOS EM TOCAIA DA PM, FOI ASSASSINADO QUINTINO DA SILVA LIRA.

Foto de Luciano Brito.

Na época, o governador do Estado era Jader Barbalho (PMDB), e partiu dele a ordem à PM para que tropas da PM ocupassem a área de conflito no município de Viseu.
Para Violeta Refkalefsky (...) “Quintino encarna o que Eric Hobsbawm entende como o bandido social clássico, no estilo de Robin Hood – um bandido, um fora-da-lei que se volta para a causa dos pobres, fracos e oprimidos”.


Fonte: Ponto de Pauta

Acesse AQUI

Mais um dígito!

Foi publicado  ontem (27) no Diário Oficial da União a data que vai vigorar o acréscimo do  dígito 9 na frente dos números do Pará como já acontece no  Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo, será dia 02 de novembro de 2014. A alteração objetiva padronizar as discagens  evitar confusões. De acordo com a Anatel a partir da data em que vigorá a mudança, uma mensagem de voz deve orientar os usuários sobre a mudança na discagem, por uns dias. Após esse prazo, as chamadas com oito dígitos não vão ser mais concluídas.

TCM rejeita contas do ex-prefeito de Marabá



O TCM-PA publicou a Resolução n° 11.316, de 28/11/2013, referente a rejeição de contas de governo, do ex-prefeito de Marabá, Maurino Magalhães (PR). Segundo o Tribunal, o prefeito não aplicou o mínimo de 60% dos recursos do Fundeb na remuneração do Magistério.
 
E agora?
 
Cabe aos 21 vereadores apreciar e votar conforme a recomendação do TCM.
 
Será que a Câmara vai rejeitar as contas?
 
Vamos aguardar!!!

Limpeza Pública na Zona Rural: Quem ganhou a Licitação?

Os serviços de limpeza pública chegará em toda Zona Rural, deve ser de fato uma marca do atual governo, porém uma pergunta fica no ar: HOUVE PROCESSO DE LICITAÇÃO? E SE HOUVE QUEM GANHOU?


Com a palavra a ASCOM (PMM)

Nota da SEMED sobre a Greve!

Ao longo de 2013, sob orientação direta do Prefeito João Salame, estabelecemos duas metas para a Educação em Marabá. De um lado, a inclusão de TODAS as crianças em idade escolar no sistema público de ensino; de outro, a valorização de professores e servidores da Educação.
Entendemos que ambas foram alcançadas.
Mais de dois mil novos alunos foram incorporados à rede pública de ensino, com todos os benefícios decorrentes desta medida. Resgatamos uma grande dívida social que tínhamos em nossa cidade.
Estamos investindo na construção de novas unidades de ensino. Nove escolas e 22 núcleos de educação infantil que serão entregues à população, com instalações modernas e climatizadas, uma forma de garantir conforto, segurança e qualidade de ensino para nossas crianças, além de melhores condições de trabalho para os profissionais da Educação.
Em relação aos professores e servidores, investimos em formação continuada, melhor forma de garantir a qualidade da Educação.
Estabelecemos também o compromisso de manter em dia o pagamento dos docentes e servidores, remunerando-os de acordo com os valores fixados no Piso de Salários do Magistério Nacional.
Desde o primeiro dia de governo, em janeiro de 2013, abrimos um canal de diálogo franco, transparente e fraterno com professores e servidores. Mostramos, sem receio algum, a enorme dívida “herdada” da gestão anterior. Cumprimos TODOS os acordos pactuados, pagando salários e benefícios atrasados.Repassamos, ano passado, quase um milhão de reais ao Sintepp, referente à contribuição sindical, em parte deixada em atraso pela gestão anterior.
Assim, todas as reivindicações dos representantes dos professores foram analisadas e negociadas. Por parte do Prefeito e da direção da Semed, o clima estabelecido sempre foi de respeito, cordialidade e confiança.
Infelizmente, quando nos preparávamos para retomar as atividades deste ano letivo, fomos surpreendidos por uma decisão unilateral da direção do Sintepp que, rompendo qualquer relação de diálogo, optou pela greve.
Sabemos que não demos qualquer motivo para o rompimento do diálogo, por isso, a decisão do governo está clara: estamos abertos ao diálogo e à negociação, desde que os professores retornem às salas de aulas.
Em outra vertente, é preciso ponderar, para melhor informar a opinião pública e qualificar esse debate, sobre as condições financeiras da Semed.
Em 2011, foram repassados R$ 106 milhões pelo Fundeb e a Folha consumiu pouco mais de R$ 82 milhões.
Em 2012, por conta de decisões que não levaram em conta as reais condições financeiras do Município, foram assumidas certas responsabilidades e houve a inversão: o Fundeb repassou pouco mais de R$ 118 milhões ao Município e a Folha consumiu mais de R$ 119 milhões.
Em 2013, recebemos quase R$ 121 milhões do Fundeb e gastamos mais de R$ 144 milhões apenas com Folha de Pessoal.
O cenário para 2014 é ainda pior: a previsão é recebermos pouco mais R$133 milhões do Fundeb e gastaremos R$ 161.700.000,00 com a Folha de Pessoal. Serão necessários mais de R$ 28 milhões para complementar os recursos do Fundeb e, caso nada seja feito, este dinheiro será tirado, dos cofres do Município e comprometerá investimento em outras áreas também importantes como a Saúde, por exemplo, penalizando toda a sociedade.
Remunerar bem e sempre em dia o funcionalismo é nossa obrigação e grande compromisso, mas não pode comprometer o equilíbrio das contas públicas, sob pena de voltarmos ao caos que vivemos em 2012, quando a inadimplência do Município com servidores e fornecedores abalou a economia de Marabá.
Por fim, é preciso refletir sobre os danos causados por um movimento grevista na educação.
A natureza do processo educacional difere de uma indústria ou um comércio.
A interrupção ou paralisação das aulas causam constrangimento aos pais e mães, desestimulam os alunos e penalizam os próprios educadores uma vez que, finda a greve, haverão de repor as horas-aulas estendendo o calendário letivo, condensar o conteúdo programático e acelerar a aprendizagem, com óbvios prejuízos.
Está na hora de imperar o bom-senso.
Aos pais, mães e alunos reiteramos que estamos absolutamente comprometidos em oferecer educação pública, gratuita e de qualidade aos nossos filhos.
Aos nossos professores, reiteramos nosso compromisso com a democracia e com o diálogo como ferramentas capazes de solucionar conflitos. Estamos prontos para retomar o processo de discussão sobre os rumos da Educação no Município tão logo este movimento grevista – que, repetimos, não demos causa – seja finalizado.
Marabá, 28 de janeiro de 2014

Governo Salame: Escolas sem merenda, a greve continua!

 O Coordenador do Sintepp acaba de informar no seu Facebook que:

O Governo Municipal satélite do PT e do PMDB queria iniciar o ano letivo sem merenda em todas as escolas. Muitos alunos carentes só podem contar com a merenda da Escola e nem isso foi garantido pelo Prefeito e o seu Secretário de Educação Bressan (PT)! A população está acompanhando de perto!

MP deverá pedir interdição do Ciam.




A qualquer momento, o Ministério Público Estadual (MPE) deverá pedir à Justiça a interdição do Ciam (Centro de Internação do Adolescente Masculino) de Marabá. Isso porque o Governo do Estado vem procrastinando (adiando) reiteradas vezes a reforma e ampliação do prédio determinadas pela 6ª Vara da Infância e Juventude de Marabá.

Nesta segunda-feira (27), a Câmara Técnica do MP enviou de Belém para Marabá um engenheiro civil e uma psicóloga para avaliar as condições físicas e prédio e as condições em que os adolescentes estão vivendo no local. O parecer que eles emitirem é que vai apontar, ou não, para um pedido de interdição do Ciam de Marabá à Justiça.

Andre De Souza Silva

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

O primeiro texto do Abílio em 2014

Saudações Literárias de "restart" com muita literatura, em prosa e verso neste ano que inicia e nesta vida que continua,

Meu primeiro texto neste ano novo é uma crônica é sobre a urgente obrigatoriedade de ser feliz. Texto que publiquei em forma de nota no facebook  e também na minha fanpage. De certa forma, o assunto da crônica é meio 'repisada'. Já falei a respeito na crônica que publiquei em janeiro de 2013 e de modo menos direto na "Canção (desnorteada) para 2012" que vale também para 2013, 14, 15, 16... 

FronteiraZ chama para publicação

Neste ano de 2014, comemoramos 90 anos da publicação de Memórias
Sentimentais de João Miramar e do Manifesto da Poesia Pau Brasil, ambos de
Oswald de Andrade, que inaugurou, com tais obras, uma nova perspectiva para
o projeto modernista da literatura brasileira, fazendo do diálogo entre o
nacional e as vanguardas internacionais a tônica de um trabalho pela
emancipação estético-literária na qual a alteridade fosse uma constante.
As repercussões da poética oswaldiana, simultaneamente estética e
política no âmbito da arte, da literatura e da cultura brasileira,
reverberaram tanto para outras produções do autor, quanto para as de
muitos contemporâneos seus - seja na literatura, seja em outras artes, como
é o caso da pintura Pau Brasil de Tarsila do Amaral -, deixando ainda um
legado significativo para as poéticas mais atuais.

Tais considerações estão no bojo da temática deste número 12 de
FronteiraZ - 90 anos de Miramar e Pau Brasil: Repercussões e Desdobramentos
para a qual estamos abrindo a submissão de Artigos.

Lembramos que as seções de “Ensaios” e de “Resenhas” também
estão abertas para a submissão de trabalhos, independentemente da
temática em pauta para a seção de Artigos.

Para maiores detalhes, consultem as normas de edição, que podem ser
acessadas em “Diretrizes para autores” no endereço
http://revistas.pucsp.br/fronteiraz

Nota da CPT

28 DE JANEIRO: DIA NACIONAL DE COMBATE AO TRABALHO ESCRAVO
 
                              Desde que o governo federal lançou o 1º Plano Nacional de Erradicação do  Trabalho Escravo no Brasil, no ano de 2003, apenas no Estado do Pará, 22.116 trabalhadores foram identificados, através de denúncia, em condições análogas a Trabalho Escravo, nesses 11 anos passados. Desse total, o Grupo de Fiscalização Móvel do Ministério do Trabalho conseguiu libertar 9.674 trabalhadores, ou seja, 43,74 do total. A fiscalização e a libertação não chegou para 56,26 dos trabalhadores, sem contar as dezenas de casos em que as vítimas dessa violência não conseguiram fazer a denúncia por razões.
 
               Apesar do aumento das ações repressivas no campo da fiscalização, das condenações criminais e trabalhistas, essa prática criminosa ainda persiste no Brasil, tendo no Estado do Pará a situação mais grave. As causas de o Estado do Pará, figurar no topo dessa atividade criminosa estão associadas a à várias razões, entre elas: as facilidades oferecidas pelo Estado aos detentores do poder econômico, principalmente os pecuaristas, nas várias fronteiras de expansão econômica regional. A impunidade dos delitos agrários, ambientais e trabalhistas, tem incentivado a continuidade dos crimes entre eles, o crime do trabalho escravo. No Pará, em média, 45% dos casos de trabalho escravo ocorrem na atividade da pecuária.
 
               Políticas de combate às causas da escravidão são cobradas do Governo Federal e dos Congressistas. Entre essas medidas, está a aprovação da PEC do Trabalho Escravo que autoriza o confisco das propriedades rurais onde forem encontrados trabalhadores sendo escravizados. Uma luta de 19 anos que vem sendo impedida de ser concretizada pela bancada ruralista e pelo pouco empenho do governo federal em se indispor com esta parcela de parlamentares que, em sua maioria, faz parte de sua base de apoio.  Se aprovada a PEC, o empregador irá perder sua propriedade se nela for constatado o uso de trabalho escravo. Essa propriedade será destinada a famílias sem terra ou sem teto.
 
               Nos dias de hoje, a escravidão é outra, se apresenta de diferentes maneiras e atinge negros e brancos em situação de exclusão social. Em todas elas, os trabalhadores têm sua dignidade negada por meio de condições degradantes de trabalho ou por jornadas que vão além do que se pode suportar, sendo em alguns casos forçados a trabalhar sob violência, ameaça ou dívida fraudulenta. São tratados como mercadoria.
 
               Foi somente em 1995 que o Brasil passou a reconhecer e combater o trabalho escravo “moderno” no país. Em 2003, a definição do crime no Código Penal foi atualizada. O atual Artigo 149 identifica como trabalho análogo ao de escravo: a submissão de alguém a jornadas exaustivas ou a condições degradantes, a imposição de trabalho forçado, a restrição de sua locomoção por dívida.  Os ruralistas querem negar tudo isso; na verdade eles querem negar a própria realidade do trabalho escravo no Brasil. Nos últimos 19 anos, mais de 46 mil trabalhadores foram resgatados da escravidão em todo o território nacional.
 
               O combate ao trabalho escravo tem que sem uma luta permanente, pois está longe de ser erradicado no Brasil. O atual modelo de desenvolvimento em curso no País, bancado pelos sucessivos governantes, que privilegia o agronegócio, e exploração mineraria, a concentração da terra e da renda é o grande responsável pela manutenção dessa e de outras práticas criminosas.
              
               Marabá, 27 de janeiro de 2014.
 
               Comissão Pastoral da Terra - CPT diocese de Marabá.
               Campanha de Combate ao Trabalho Escravo no Brasil.

domingo, 26 de janeiro de 2014

Secretário de Salame declina do convite de Jatene!

Nota do Ítalo

“Entendo o convite como um gesto do Governo que sinaliza a necessidade de aproximação com a região. De oportunidade de participação através de nossos representantes, da efetiva ação administrativa do estado. Se tanto reclamamos por não participar, porque não capturar a oportunidade! – como não reconhecer a atitude! – enfatizo, independente da ocasião!
No período de registro partidário, fiz uma opção por um partido, o PMDB. O momento atual registra o inicio de um processo político que culminará nas eleições, estando em outra agremiação, os princípios morais e éticos que forjaram minha formação, não permitem que conviva com duas conversas, ou mude de barco ao sinal de uma proposta ocasional mais vantajosa.
Pode ser que tal comportamento seja entendido como comum no ambiente político, ou em outros ambientes talvez. Para mim, inaceitável, não importa qual o custo, inaceitável.
Apesar de ter consciência dos efeitos positivos do cargo, oportunidade impar da região ter alguém que a represente atuando no primeiro escalão de governo, caso aceitasse, minha consciência não daria trégua em apontar uma fraqueza de caráter, de personalidade na minha atitude.
Agradeci ao Governador pelo convite, não sem antes elogiar a sua atitude, pois, vem de encontro a aspirações antigas dessa região. Um gesto que demonstra o reconhecimento de que aqui temos valores, que somos capazes. Por tudo isso é que o desejo emancipacionista permanece em nossas veias, até que um dia se realize.”

sábado, 25 de janeiro de 2014

Governo da Copa adia Conferência Nacional de Educação

REVOLTA. Essa palavra sintetiza bem meu sentimento (e o de milhares de educadores brasileiros) diante da informação do adiamento da CONAE pelo governo federal. O evento ocorreria agora em fevereiro, às vésperas da votação do Plano Nacional de Educação, e foi adiando para depois das eleições de 2014.
Leiam os reais motivos em AQUI

Ouça Diário Semanal

Ouça Hoje (25) O Programa Diário Semanal Com Adriana Araújo na Rádio Itacaiúnas AM 850 KHz das 09:00 as 12:00 ou Pelo Site (www.itacaiunasam.com).Bloco Meio Ambiente: Tema Resíduos Sólidos. (3 fotos)

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Campanha "Belo Sun Não

A campanha "Belo Sun Não!" já alcançou mais de 115 mil assinaturas.

O movimento pede ao governo do Pará que não dê a licença ambiental para que a empresa canadense Belo Sun explore ouro na região vizinha à hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu.

O objetivo agora é chegar a 200 mil assinaturas e entregar a petição ao governador paraense Simão Jatene e ao Secretário de Meio Ambiente do Pará (SEMA), José Alberto Colares, responsáveis por conceder, ou não, a licença do empreendimento
 


 Se você não assinou a petição, ainda está em tempo! Se já assinou, ajude a espalhar a campanha!
 

A campanha "Belo Sun Não!" já alcançou mais de 115 mil assinaturas.

O movimento pede ao governo do Pará que não dê a licença ambiental para que a empresa canadense Belo Sun explore ouro na região vizinha à hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu. 

O objetivo agora é chegar a 200 mil assinaturas e entregar a petição ao governador paraense Simão Jatene e ao Secretário de Meio Ambiente do Pará (SEMA), José Alberto Colares, responsáveis por conceder, ou não, a licença do empreendimento.

Se você não assinou a petição, ainda está em tempo! Se já assinou, ajude a espalhar a campanha!
https://secure.avaaz.org/po/petition/Belo_Sun_Nao/

#BeloSunNao

Forum Social Temático

A marcha das centrais sindicais marcou, na tarde de quinta-feira (23), a abertura oficial do Fórum Social Temático, em Porto Alegre (RS). A passeata contou com centenas de trabalhadores e foi liderada pelas centrais sindicais, além de ativistas de movimentos que costumam participar do fórum.
O evento, criado como contraponto ao Fórum Econômico Mundial de Davos (Suíça), reúne movimentos sociais e organizações de esquerda na capital gaúcha. Além dos sindicatos, a marcha contou com militantes de partidos políticos.
Militantes da União da Juventude Socialista e de um grupo de mídia alternativa confeccionaram mil máscaras com o rosto do americano Edward Snowden e distribuíram aos participantes. Eles pedem que o Brasil conceda asilo ao ex-técnico que revelou detalhes sobre o programa de espionagem dos EUA.
O prefeito em exercício de Porto Alegre, Sebastião Melo (PMDB), e o ex-governador gaúcho Olívio Dutra (PT) estiveram na caminhada. Sebastião, que caminhou ao lado  de sabel Kausz dos Reis, diretora do Sindicato dos Comercários de São Paulo e fez questão de usar um boné da central, afirmando ter grande respeito pelo trabalho que a UGT realiza em defesa dos interesses dos trabalhadores. O Fórum Social Temático vai até o próximo domingo (26).